Festmag

Crónicas no image

Published on Novembro 20th, 2013 | by Filipa Marta

0

Reportagem: A revolta do vinyl + Zero 7 dj set + Bitsound (Ministerium)

Para quem não soube, os Zero 7 (sim eles mesmo!) estiveram pela capital alfacinha na sexta-feira, dia 15 de novembro, e o Ministerium Club foi o local escolhido para os receber.

O set da “A revolta do vinyl” iniciou os uivos noturnos no Terreiro do Paço e por volta das 2:30 da manhã, os Zero 7 apoderaram-se da mesa de mistura. Henry Binns foi o dançarino, ficando sempre ao lado da mesa sem lhe tocar.

Umas vezes aparecia e outras saía da mira dos fãs ficando a responsabilidade total de pôr o público a dançar nas mãos de Sam Hardaker. Sam pouco se riu e pouco comunicou com quem estava à sua frente.

Zero7 em formato dj set é o mesmo que andar por beats eletrónicos aleatórios e chatos. Não me aqueceram nem arrefeceram, acabando mesmo por nada ter a ver com a banda de que sou fã há muitos anos. Irreconheciveis de todo!

Estava à espera que tocassem (já agora…) os dois novos singles recentemente lançados para o mundo melómano, “On My Own” e “Don’t Call It Love”. Esqueçam… publicidade enganosa. Não os passaram e o pico foi apenas quando passaram o tema “What’s In Your Head”, dos Disclosure.

De Zero 7 posso dizer que não vi nem ouvi nada e para uma próxima bem que podem chamar o dj set de ‘Sam Hardaker dj set & performance de Henry Binns’ e aí não me sentiria tão enganada. Para os fãs de Zero 7 que não foram – só vos digo -, ainda bem para vocês.

O que realmente animou a noite ‘desfeita’ foi a entrada de Bitsound nos pratos do Ministerium, conseguindo levantar o astral das almas dançarinas que por ali ainda se encontravam. Boa eletrónica, tecno e house, o que levou os presentes a permanecerem até de madrugada na pista de dança.

Siga-nos aqui:

Tags: , , ,


About the Author



Comments are closed.

Back to Top ↑